Genotipagem do HPV

Genotipagem do HPV

O cancro do colo do útero é o segundo tipo de cancro mais frequente na mulher em todo o mundo e é a doença mais relevante associada à infeção por HPV (Vírus do Papiloma Humano), especialmente quando não é detetado precocemente podendo evoluir para formas invasivas. 

Existem diferentes tipos de HPV: O de baixo risco de desenvolver cancro e o de alto risco de desenvolver cancro, nomeadamente do colo do útero. 

A maioria dos subtipos de baixo risco está associado a lesões benignas da orofaringe e da pele onde podem originar condilomas, verrugas ou “cravos”, podendo ser transmitido por contato íntimo de pele com pele.

Os subtipos de alto risco são transmitidos através de relações sexuais e têm grande importância clínica.

O HPV infecta homens e mulheres sexualmente ativos podendo causar lesões na região anogenital e colo do útero, sendo as infecções persistentes as que promovem o risco de desenvolvimento de cancro do colo do útero.

Na realidade, aproximadamente 100% dos casos de cancro do colo do útero estão relacionados com infeção por HPV.  A evolução para cancro do colo do útero é muito lenta, geralmente, assintomática e por vezes de regressão espontânea.

Como tal, o rastreio para a sua prevenção deve ser realizado com a segurança e rigor técnico que lhe são devidos.

Na população sexualmente ativa, 50 a 80% dos indivíduos adquirem infeção por HPV nalguma altura da sua vida, apesar de, na grande maioria dos casos, não haver evolução para doença sintomática.

REALIZE O EXAME DE GENOTIPAGEM DO HPV COM SEGURANÇA NO LABORATÓRIO ANATOMIK:

  • 211 817 280
  • 211 366 309
  • 934 157 019
  • geral@anatomik.pt
  • www.anatomik.pt